Arquivos da categoria: Ecommerce

wpid-dragon-ball-online-game.jpg

Use o segredo dos jogos para aumentar (e manter) seu faturamento

Não importa a sua idade , grau de instrução ou onde vive, muito Provavelmente já participou de alguma forma de jogo. Bolinha de gude ,futebol ,sinuca , video game, para citar apenas alguns exemplos , mostram como o jogo existe em diversos formatos , e que estão em toda parte.
E sabe qual um dos mercados que mais faturam na internet? O de jogos online. Este ano o faturamento foi de aproximadamente 80 bilhões de dólares (320 bilhões de reais).
Não resta a menor dúvida que nós,  seres humanos,  gostamos de jogos.

image

Mas por que os jogos fascinam tanto?
Além da diversão que proporcionam, os jogos ajudam a satisfazer nossa necessidade de superação,  de crescimento.  Atendem também a vaidade de alguns,  que querem mostrar que são os melhores,  ou que estão à frente dos outros em capacidade,  poder ou recursos. Este conjunto de fatores são responsáveis pelo sucesso astronomico da indústria de jogos.

Mas, e daí  Carlos, eu não fabrico nem vendo video games, por que devo me interessar pelo interesse das pessoas por jogos?

Bom, tenho uma boa notícia para você : Mesmo sem trabalhar diretamente com  jogos, você e sua empresa podem se beneficiar do poder de atração dos jogos. E a palavra mágica que lhe dará acesso  a este poder é GAMEFICAÇÃO.

Gameficação é a aplicação de estruturas, mecânica, conceito , princípios e até design de jogos em outros contextos que não são jogos. O objetivo de gameficação é produzir nas pessoas envolvidas nestes contextos as mesmas sensações e respostas provocadas por um jogo.

Sentiu o poder disto? Usando de forma inteligente esta estratégia,  você  poderá  fazer com que comprar seus produtos e se relacionar com sua empresa se torne como que um jogo , do qual as pessoas irão querer participar,  ou ‘jogar’, cada vez mais e mais.
Vou dar alguns exemplos de empresas que estão utilizando a gameficação com sucesso:

image

A Nike, ano passado, criou a pulseira FuelBand que literalmente pontua seus passos. Quanto mais você anda, ou corre, mais pontos você faz.
O resultado foi muito ineressante :  Várias  pessoas compraram as pulseiras e incentivaram seus amigos a comprar, pois assim poderiam competir com eles  para ver quem tinha feito mais pontos na semana. E muitos até mesmo adotaram o hábito saudável de fazer corridas, para terem mais e mais pontos. E para correrem, compraram tênis novos para combinar com as pulseiras.  Adivinha de qual marca?
Ganhou a Nike,  com a venda dos seus produtos,  e com o fortalecimento de sua marca, e os clientes,  que adotaram ou intensificaram bons hábitos.

image

Duolingo

Deste case posso falar com mais propriedade,  pois sou  ‘vítima’ da sua gameficação.

Desde adolescente sempre  fui apaixonado pelo idioma inglês.  Fiz cursos, comprei livros, estudei utlizando vídeos,  músicas,  sites, enfim, de todas as formas possíveis,  o que me levou a ter um bom domínio do idioma. Entretanto,  toda habilidade que  não é utilizada é perdida.  Então,  sempre que possível procuro estar praticando, o que não é muito fácil pois das pessoas do meu convívio atual, poucas falam inglês.

Esta situação mudou quando descobri um aplicativo fantástico  chamado Duolingo.
O aplicativo é  uma excelente ferramenta para você  aprender ou treinar diversos idiomas. O mais interessante é que você pode ‘conversar’ com o aplicativo,  no idioma escolhido,  para que ele avalie sua pronúncia.  E ele analisa o que você disse,   se você acertou ou errou, apontando até  mesmo quais palavras você  errou. Há  também  testes de escrita e de audição,  onde o aplicativo ‘fala’ e você tem que escrever exatamente o que ouviu.

Estes recursos , por si só,  já o tornariam um excelente aplicativo.  Mas o que fez com  que o aplicativo se tornasse um fenômeno  mundial,  com mais de 100 milhões de usuários em todo o mundo,  foi o fato dele ser totalmente gameficado. Isto mesmo, o criador do aplicativo adotou a gameficação como estratégia do produto, e isto tornou o aplicativo viciante. O sucesso do aplicativo é tão grande que até a Google se tornou sócia da Duolingo,  investindo nela 45 milhões de dólares .

A metodologia do aplicativo é aplicar testes diários,  com questões que exigem que o usuário fale, ouça,  escreva e também traduza. Toda vez que o usuário acerta uma questão ele ganha pontos,  ou bônus.  E o usuário pode usar os pontos ganhos para avaliar seu desempenho,  mas também para trocar por poderes ou brindes virtuais oferecidos pelo aplicativo.

image

O usuário pode configurar também o mínimo de pontos que ele tem que fazer diariamente, conforme seu  nível de aprendizado e tempo disponível.No meu caso, preciso fazer diariamente 50 pontos. Para isto faço 5 testes de aproximadamente 10 minutos cada . Em geral faço 2 de manhã,  1 a tarde e 2 à noite. Se por algum motivo não consigo fazer algum dos testes, ou não atinjo os 50 pontos,  além da frustração de não cumprir minha meta, o aplicativo diminui a quantidade de pontos já acumulados,  como forma de punição.  Isto me motiva ainda mais a fazer todos os testes do dia, e só em casos extremos não consigo fazer isto. E me sinto incomodado quando isto acontece. É  o poder da gameficação.

image

Imagine agora os seus clientes com o mesmo ímpeto em comprar seus produtos ou utilizar seus serviços,  não seria incrível? O que acha que aconteceria com seu faturamento se eles se sentissem mal ou ficassem com uma sensação de perda se  não comprassem pelo menos 1 vez na semana ou no mês?

Isto é possível.  Você também pode se beneficiar desta metodologia,  usando-a para fidelizar seus clientes atuais e atrair novos.

Mas como isto pode ser feito? A gameficação pode ser aplicada também nas vendas online? Não é complicado implantar isto?

A boa notícia é que vou te ajudar a gameficar seu negócio. No próximo post vou responder as perguntas acima ,e também disponibilizar uma ferramenta pronta de gameficação e com instruções de como utiliza-la. Aguarde.

Sem título15

Black Friday x crise: Quem venceu ?

Sempre que se aproxima o final do ano, há uma grande expectativa no mundo econômico , principalmente entre os varejistas , sobre qual será o volume de vendas. E uma das datas mais aguardadas é , sem dúvida , a Black Friday.

Mas  por que a Black Friday é tão importante assim? O natal não é o periodo de compras mais aguardado pelos consumidores e pelos comerciantes?

Há 3 fatores que tornam a Black Friday muito relevante para o comércio :

  1. Serve como parâmetro ou ‘termômetro’ para o natal. Ou seja se ocorre um bom volume de vendas na Black Friday, a tendência é  que o mesmo ocorra no natal. O inverso também é verdade: Se as vendas na BF forem fracas, não espere um ‘milagre’ no natal;
  2. É a  melhor oportunidade para se zerar os estoques de mercadorias encalhadas, que estão  saindo de linha ou com baixo giro , liberando espaço físico para que possa trabalhar com os produtos ‘top de linha’ nas semanas seguintes e que antecedem ao natal;
  3. Aproximadamente 20% dos consumidores antecipam as compras do natal para a Black Friday , aproveitando os descontos especiais que são oferecidos.

Mas nosso país enfrenta uma forte crise econômica. Será que os resultados da Black Friday não foram afetados? Será que este ano não foi uma grande decepção ?

Antes de responder a estas perguntas, Irei responder a 2 outras que me fazem com frequência, e que talvez sejam suas dúvidas também :
  • Como surgiu a Black Friday?
  • Por que têm este nome esquisito?

Black Friday : a origem

Para conhecermos a origem da BF , voltaremos no tempo, mais especificamente à década de 60.

Nos Estados Unidos, há um feriado muito importante para o povo americano , chamado de Dia de Ações de Graças ( Thanksgiving Day). Neste feriado, observado como um dia de gratidão a Deus, as famílias se reúnem para orações e festas de agradecimento, pelos bons acontecimentos ocorridos durante o ano.

Este feriado é comemorado na quinta feira da quarta semana de novembro, o que corresponde a última quinta de novembro.

Até as décadas de 60 e 70 do século passado, era considerado inadequado, para muitos até pecado, o comércio americano começar a fazer promoções,  campanhas e anúncios de natal antes do Dia de Ações de Graças.  E os comerciantes não gostavam muito disto, pois tinham que esperar até o final de novembro (menos de um mês para o natal), para começarem a lucrar com as vendas de fim de ano.
Então para tirarem o ‘atraso’ e começarem a vender de forma explosiva logo após o feriado ,que é  na quinta feira, passaram a criar mega promoções,  principalmente para o primeiro dia de ‘liberação’ das campanhas natalinas, que era a última sexta de novembro. E assim que começaram a fazer  isto, a resposta dos consumidores foi imediata.  Em muitas cidades, como na Filadélfia,  o dia já começava com muito tumulto e confusão.  O trânsito ficava uma loucura, filas se formavam nas portas das lojas antes mesmo delas abrirem. A polícia local tinha que trabalhar em dobro para manter a ordem. E foram eles que passaram a chamar este dia tumultuado de ‘sexta-feira negra ‘ , que no idioma deles é Black Friday.

Com o tempo, e principalmente com a chegada do comércio eletrônico,  a prática comercial de fazer super promoções na última sexta de novembro se espalhou por todo os Estados Unidos, sendo adotada até  por outros países,  como o Brasil.

Não temos o Dia de Ações de Graças,  mas a Black Friday já  é nossa e veio para ficar.

A Black Friday venceu a crise ou foi engolida por ela?

Agora você está ciente do importância da BF e conhece sua origem. Chegou a hora de saber se este ano em especial ela foi forte o suficiente para superar a onda de pessimismo do mercado .

Contra fatos não há argumentos. O que dizem os números? Vejamos:

Faturamento geral: R$ 1,60 bilhão . No ano anterior o faturamento foi de R$ 1,16 bilhão . Ou seja , um fantástico crescimento de mais de 38%.

O número de vendas registradas foram de 2,77 milhões . Isto significa que, em média, o valor de cada venda individual (ticket médio) foi de R$ R$ 580,00 .

Veja este e outros dados da Black Friday deste ano no gráfico abaixo:
info_BF_parte2

Não resta dúvida,  a Black Friday ganhou da crise, e de goleada.

Mas Carlos, como isto é possível. As vendas no varejo está caindo mês a mês,  e minhas vendas também não aumentaram na Black Friday. Então como estas empresas faturaram tanto?

Existe um segredo para isto. E ele se chama e-commerce.

As vendas online estão em crescimento crescente aqui no Brasil , mesmo com a crise no mundo ‘real’.

Foto

E é  justamente online que os consumidores vão buscar as melhores promoções e realizam o maior volume de compras da Black Friday.

Por exemplo, vimos acima que o volume  vendas na BF foi de R$ 1,6 bilhão , destes 1,07 bilhão  de reais foram transferidos online (67%). Foram registrados 1,85 milhões de pedidos nas lojas virtuais de todo o país.
O que esta Black Friday, assim como as anteriores comprovou é  que as empresas que lucraram mais foram as que tinham uma presença online bem estabelecida e estratégias bem definidas e de eficácia comprovada.
A Black Friday 2015 , por melhor que tenha sido, já é passado. Mas o natal,  ainda não.  E assim como na Black Friday, as vendas online irão superar a do ano anterior.  E o que você pode fazer para que sua empresa garanta uma boa fatia deste faturamento bilionário?

Que estratégias e ações devem ser implementadas desde já para que sua empresa seja notada , e até mesmo procurada pelos consumidores na internet?

Brevemente iremos responder a estas perguntas aqui em nosso blog.
Screenshot_2015-10-05-20-04-16

Como enviar fotos dos produtos para sua loja virtual

No post anterior mostrei a importância das fotos para o sucesso de um ecommerce, bem como dei dicas de como baixar fotos e tirar as suas próprias. Agora veremos como enviar as fotos obtidas para o seu site.

O envio das fotos   é feito através da Loja 247:

  1. Acesse o painel de trabalho e clique em Produtos;
  2. Localize e edite o produto desejado ;
  3. Desça até o final da página e clique no primeiro botão vermelho escrito Foto ;
  4. Localize a pasta onde estão as fotos e dê um duplo clique na imagem correspondente ao produto que está sendo editado.

Você pode adicionar mais 2 outras fotos clicando nos 2 botões de fotos seguintes e repetindo os procedimentos acima.

O vídeo abaixo exemplifica este procedimento:

product-photography2

Quer aumentar suas vendas? Invista nas fotos dos seus produtos

Uma imagem vale mais que 1000 palavras

Já ouviu este ditado? Provavelmente sim. E deve concordar que é|a mais pura verdade. Se não acredita nisto, leia esta palavra: sorvete. Bem , você sabe o que é um sorvete. Só que ter lido a palavra agora não teve nenhum impacto em você. No máximo veio a imagem de um em sua mente. A maioria das pessoas visualizam aquele sorvete clássico, de casquinha com uma bola no topo.

Agora vamos fazer algo diferente. Clique aqui e VEJA um sorvete.

Mudou alguma coisa? Provavelmente deu até água na boca. E se você gosta muito ou é fanático por sorvetes, deve estar plarejando ir (ou já foi) comprar um .

Percebeu a diferença? Imagens provocam sensações, emoções e até mudanças fisiológicas. Em se tratando de ecommerce  imagens provocam e aumentam as vendas.

Porque imagens geram vendas

Pense bem: uma loja virtual  já enfrenta muitas desvantagens  em relação a uma loja física no que se refere a tornar o comprador encantado pelo produto: na loja física o consumidor pode , além de ver o que deseja,  de acordo com o tipo do produto, pega-lo, sentir sua textura,  ouvir o som que ele produz , sentir seu cheiro, até mesmo degustar uma amostra. Em geral,a única coisa que ele pode fazer na loja virtual é VER O PRODUTO. Então por que abrir mão desta única possibilidade ou vantagem?

O seu site pode ser lindo, bem estruturado, rápido, de fácil navegação, responsivo, enfim, ser um excelente site, mas

o que o seu cliente mais deseja  é ver o produto que ele quer comprar.

Pesquisas demonstram que 26,9% dos consumidores online compram por impulso , ou seja, são suscetíveis a estímulos que os levem a comprar, como promoções não esperadas e uma boa imagem que desperte o interesse na compra.

Mais fotos, menos devoluções

As imagens não só aumentam o número de vendas, como reduzem o número de reclamações e devoluções de produtos. Muitos consumidores ao receberem os produtos comprados online devolvem por que não eram exatamente o que imaginavam (olha a palavra imagem aí  ). Ou seja, talvez a descrição ou nome do seu produto pode ser parecido com outro de características semelhante e seu cliente pode ter se enganado, ou talvez alguma característica imaginada por ele não foi atendida: brilho, cor, tamanho ou outras. Você não quer correr este risco, concorda ?

Agora que você está ciente da importância das imagens, surge uma pergunta importante: como deve ser a qualidade e as características desta imagem?

Como devem ser as fotos para um ecommerce

Características

1 – Fundo branco ou transparente

Acesse 10 lojas virtuais diferentes e verá algo comum a todas ou a 90% delas: Fotos com fundo branco. Logo, deve haver um motivo importante para isto. E há: foco. Quando o fundo é branco a atenção fica única e exclusivamente no produto, afinal não haverá nada atrás dele para desviar a atenção do comprador.

O fundo branco oferece mais uma vantagem: torna muito mais fácil criar uma imagem com fundo transparente , usando um programa gráfico, como o photoshop.

Isto significa que a cor de fundo da imagem será sempre a cor de fundo do seu site. Veja abaixo 2 exemplos.

Foto com fundo branco

Veja como fica uma imagem com fundo branco num site com fundo branco também.

fundo branco

Agora a mesma foto, porém a cor de fundo do site agora é vermelha.

Screenshot_2015-10-01-19-42-32

Foto com fundo transparente 

Exibida num site com fundo branco

fundo branco

Agora num site com fundo vermelho

tempFileForShare_2015-10-01-19-43-31

Conclusão: A melhor opção é que as fotos tenham o fundo transparente. Assim caso decida mudar a cor de fundo do site, ou se ele já não for branco, a foto não ficará parecendo um quadro, com uma moldura branca em volta. Existem diversos aplicativos que pode utilizar para tornar o  fundo das fotos transparente : pixrl, photoshop e muitos outros. Vou indicar um:

Online Image Editor – É um aplicativo online. Você não precisa instalar nada no seu computador. Está em inglês, mas verá no topo da janela Um seletor de idiomas. Então é só mudar para português. Saiba como utilizar .

2 – Tamanho  e layout ideais

No mundo real costumamos medir o tamanho dos objetos em centímetros, e em alguns casos em metros . No mundo virtual a medida mais usada para imagens são os pixels.

O que é um pixel ? De forma simplificada , pixel é um ponto. Logo , as imagens digitais são formatadas pela união  de pontos coloridos. Um exemplo para você entender melhor:

Imagine que você queira formar um quadrado usando bolas de gude em cima de uma superfície branca. E você tem disponível 20 bolinhas. A primeira coisa a fazer é a moldura, colocando 5 bolinhas na horizontal . Depois 4 na vertical, na parte de cima, formando um ângulo de 90 graus. Depois o mesmo do outro lado e embaixo. Pronto  está formado um quadrado oco, de 14 bolinhas. Sobram 6. Coloque-as no interior vazio do quadrado . Agora você tem um quadrado cheio. Veja como ficaria:

Bolinhas-de-Gude-Coloridas

Agora vamos considerar cada bolinha como um pixel. Esta imagem então tem 5 x 4 pixels (5x 4) ou um total de 20 pixels. Nos aplicativos de imagem ao verificar o tamanho dela será informado que a resolução é de 5 x 4 pxl (ou pixels). Ficou claro agora? Esta é apenas uma forma lúdica de se entender o que são pixels. Caso queira se aprofundar mais no tema clique aqui (pixels) , e   aqui (resolução).

As fotos não devem ser muitos pequenas, pois não  permitirão aos clientes verem detalhes do produto,  nem muito grandes, pois ficarão lentas para serem carregadas para o site, e principalmente para serem exibidas .

Recomendo o mesmo tamanho de largura e altura.Mas isto não é uma regra.Mas para melhor estética do site todas devem ter o mesmo tamanho.

Recomendamos 2 possíveis tamanhos:

800x800px ou 1200x1200px, ou dentro desta faixa ou seja, não menor que 800x800px nem maior que 1200x 1200px.

Mas Carlos, como vou saber o tamanho da foto da meu produto? 

Uma das formas é utilizando o gerenciador de arquivos do seu computador ou celular.  Por exemplo,  no windows você pode fazer isto usando o MEU COMPUTADOR  ou o WINDOWS EXPLORER. Veja 2 formas de se fazer isto, clique aqui para ver a primeira  . Outra forma é clicar com o botão direito do mouse no nome do arquivo e depois em Propriedades .

Poderá  ainda usar um editor de imagem para consultar o tamanho e também para redimensionar ou ajustar o tamanho. Clique aqui e veja como redimensionar uma imagem usando o online editor.

Tirar as fotos ou baixar da internet?

 Depende. Um dos fatores a ser levado em conta ao tomar esta decisão é o grau de exclusividade do produto. Se é uma produção própria, como alimentos , artesanatos, roupas , etc. não resta dúvida que devem ser fotos também próprias. Se você utilizar fotos de produtos parecidos com o seu, corre o risco do cliente perceber a diferença , sentir-se enganado e querer devolver o produto.

Caso o produto seja de terceiros, como refrigerantes, celulares ,tênis, etc, na maioria dos casos encontrará excelentes fotos no site do fabricante. Se não sabe o endereço , pesquise pelo nome da empresa no Google. Verifique também na embalagem da produto ou material promocional.

Uma outra forma é buscar pelo nome do produto no Google e clicar em IMAGENS.

tempFileForShare_2015-10-01-14-26-27Uma vantagem interessante oferecida pela ferramenta do Google é a possibilidade de estabelecer critérios para a pesquisa.  Entre estes critérios,  o tamanho  desejado.

rps20151001_143556_944

Informe 800 na altura e largura e confirme. Serão exibidas imagens com estas medidas exatas ou bem próximas.

Após escolher a imagem desejada, clique na imagem e em seguida em Ver imagem. Para finalizar clique na imagem com o botão direito da mouse e clique em Salvar Como e salve na pasta de sua escolha.

Dica: Caso esteja utilizando um computador com Windows, o melhor lugar para salvar as fotos é na pasta Documentos. Crie uma subpasta chamada produtos e  as salve lá. Ficará mais fácil ainda na hora de enviar as fotos para o site se criar uma subpasta para cada categoria de produto e salvar as fotos dos produtos na pasta da categoria as quais pertencem.

COMO TIRAR FOTOS DE QUALIDADE

 

Como expliquei acima, há casos em que deverá tirar fotos dos produtos que vende. Para isto , você pode contatar um fotógrafo profissional, ou você mesmo pode se aventurar nesta tarefa. Segue algumas dicas para te ajudar a realiza-la:

Reserve um cantinho em sua empresa ou residência que seja muito bem iluminado, e escolha uma posição que não gere sobras sobre o produto nem em volta dele. Se conseguir gerar alguma iluminação adicional  próxima e sobre o produto, melhor ainda.

Providencie uma mesa ou outro móvel sobre o qual possa colocar o produto a ser fotografado.

Utilize um lençol ou cartolina branca para cobrir a superfície sobre a qual o produto será colocado, bem como o fundo atrás do objeto.

foto produto

Tire de 3 a 5 fotos de vários ângulos do produto. O consumidor desejará ver o pronto de frente, de cima (diagonal) , por trás , do lado dentro  e de fora (nos que for possível e necessário fazer isto. Exemplo: bolsas e veículos) .

É interessante também ter fotos do produto em uso pelo seu público alvo. Isto ajuda ao comprador ter uma idéia real do tamanho do produto. E indiretamente ‘humaniza’ sua loja virtual. Não precisa ser uma foto de corpo inteiro do usuário do produto. Por exemplo se o produto for óculos, somente o rosto de alguém utilizando é o ideal.

 

images

Agora que você já sabe a importância das fotos para o sucesso do seu negócio online , e também como conseguir fotos de quelidade e atraentes , iremos ver no próximo post como adicionar fotos à sua Loja virtual 247.

tempFileForShare_2015-09-27-08-53-18

Como ativar a Cielo como meio de pagamento

Este tutorial mostra detalhamente como contratar e ativar a Cielo como meio de pagamento.

1 – Conseguir o credenciamento da Cielo. Isto é feito através de um cadastro no site da Cielo.

Ao clicar no link acima, será aberta a janela de cadastro. Preencha os dados iniciais e clique em proseguir.

01
Complete os novos dados solicitados e novamente clique em proseguir. 

02

A próxima janela é a que contém informações do plano a ser contratado :

03

Observe que há 3 níveis de plano , entretanto o inicial é auto selecionado. Se  necessário, no futuro ,  você poderá  fazer o ‘upgrade’ de plano.

Ainda nesta página é solicitado o endereço do seu ecommerce. Informe o domínio da sua loja virtual, e clique em prosseguir. 

Finalmente informe o endereço da empresa e os dados da conta bancária para recebimento do valor das vendas, já com os devidos descontos.

rps20150926_191803_926

Clique em Finalizar para concluir o Cadastro.
04

Em alguns minutos receber á um email da Cielo com um número de protocolo para acompanhamento do processo de credenciamento, que segundo a Cielo, deve ser concluído em 5 dias.

untitled

Caso não receba um novo email da Cielo confirmando seu credenciamento dentro deste prazo, envie um email para a Cielo (credenciamentoecommerce@cielo.com.br)  informando o número do protocolo e solicite agilidade no processo.

2 – Envio do formulário de cadastro – checkout Cielo

Assim que seu credenciamento é  aprovado, a Cielo enviará  um outro email, informando o seu número de cliente. Anexado ao email estará o formulário de cadastro – checkout Cielo . O formulário estará no formato doc (word). Você deverá editar o formulário,  preenche-lo e enviar anexo ao email que enviará de resposta à Cielo.

3 – Ative o Merchant ID

Em alguns dias receberá da Cielo o último email deste processo, no qual constará um código, chamado de Merchant Id . Você deverá então acessar acessar à Loja 247, clicar em CONFIGURAÇÃO , CIELO , e lá digitar  o código no campo aproriado, como no exemplo :

tempFileForShare_2015-09-27-07-26-45

4 – Configure as formas de pagamento

Para finalizar, inclua ou edite , caso já  tenha incluido, as formas de pagamento cartão de crédito e cartão de débito  , selecione a Cielo como intermediário / gateway de pagamento. Marque como disponível para o site.

Skitch

Salve as alterações feitas. Concluído o processo. Sua loja virtual já  pode receber pagamentos pela Cielo.

meios-pagamento-ecommerce

Meios de pagamento online – Quais as opções e qual é o melhor?

Com o crescimento do comércio eletrônico  tornou-se também crescente a necessidade de  mais , melhores , mais fáceis , e o mais importante, mais seguros meios de pagamentos online. E hoje existem diversas empresas que oferecem esta modalidade de serviço. Mas quais as diferenças entre os serviços oferecidos?  Qual a melhor relação de custo / benefício?  Enfim, qual o melhor?

Estas não são perguntas fáceis   de responder . Até porque depende também do tamanho , tipo e volume de vendas da loja virtual que os contrata.

Mas irei te ajudar a chegar a esta conclusão. A partir de hoje irei postar semanalmente uma análise dos principais meios de pagamento, informando forma de contratação, custo ,taxas operacionais, modo de operação e outras informações necessárias de cada meio de pagamento. Irei incluir também o meio de pagamento na Loja 247 , então você poderá,  opcionalmente, contratar o meio de pagamento , ativar na sua loja virtual, e usar pelo tempo que desejar.

CIELO

Contratação

É feita em 2 etapas: 

1 – Preenchimento de cadastro para credenciamento no site da Cielo.

2 – Aprovado o credenciamento , em alguns dias a Cielo envia um email com um formulário a ser preenchido e retornado.

Clique aqui para maiores detalhes de como contratar a Cielo como meio de pagamento.

Custos

Ativação : R$ 72,90 *

Mensalidade: nenhuma, R$ 24,90 , R$ 49,90 ou R$ 69,90 , dependendo do plano *.

Taxas de desconto

Débito : 2,5%*
Crédito: 3,80%*
Crediário: 5,30%*
Parcelado 6x: 4,80%*

*Valores informados no site da empresa em 26.09.15 . Sujeitos a alteração em data posterior.

F2B

Contratação

É feita em 3 etapas: 

1 – Preenchimento de cadastro para credenciamento no site da F2B;

2 – Aguardar o retorno da F2B , que enviará um email , confirmando , ou não, a aprovação do cadastro.  sendo positivo , no email conterá um link de confirmação, que deverá ser clicado .

3 – Digitalizar documentos requeridos pela F2B e envia-los por email.

Clique aqui para maiores detalhes de como contratar a F2B como meio de pagamento.

Custos

Não é cobrado nenhuma mensalidade . Entretanto, a empresa oferece diversos serviços avulsos e opcionais , para os quais são cobradas tarifas pelo uso .

Taxas de desconto

As taxas são bem variadas. Dependem tipo de pagamento recebido e da quantidade dos recebimentos por tipo . Clique aqui para ver a tabela completa.